Sobre nós

O Duo Rubrum é constituído por Carolina Andrade e Romeu Curto, dois jovens premiados enquanto solistas. Conheceram-se na Universidade de Aveiro e iniciaram o seu percurso em conjunto no âmbito da disciplina de música de câmara da Universidade de Aveiro. O Duo Rubrum esteve sob a orientação do oboísta Jean Michel Garetti durante dois anos. Frequentaram ainda aulas e masterclasses com Filipe Quaresma, Isabel Alcobia e Pedro Rodrigues.


O grupo pretende executar o vasto repertório existente para esta formação, passando pelos vários períodos da história da música ocidental, incluindo programa renascentista, barroco, clássico, romântico e contemporâneo. 


Além disso, têm como objetivo valorizar a vertente nacionalista presente na arte e consideram ser de extrema importância a valorização da cultura popular. Desta forma, interpretam música renascentista espanhola, as Seguidillas de Fernando Sor, assim como as Siete Canciones Populares Españolas, obras exemplificativas desta vertente popular. No seu repertório, constam também obras de compositores portugueses contemporâneos, como Clotilde Rosa e Miguel Vasconcelos.

O duo apresenta-se regularmente em concertos em Portugal e Espanha, em locais como o Pabellón Domecq de Juventudes Musicales de Sevilla. Participou no VI Ciclo de Música Antiqua em Jerez de la Frontera, com um programa totalmente dedicado à música renascentista escrita originalmente para vihuela e canto, e no festival MAIOMUSICALL na Covilhã. Apresentou-se ainda no Museu de Santa Joana em Aveiro e no Museu Francisco Tavares Proença Júnior em Castelo Branco.